Skip to content

Segregação não tem cor

11/28/2009

Li no “Uol Notícias” que o bloco afro Ilê Aiyê decidiu aceitar brancos. Isto gerou muita polêmica e eu não vejo motivo para isto. Eu, cuja cor da pele não é assim tão negra, me sentiria discriminado e seria capaz de procurar a polícia para me queixar de discriminação se fosse retirado de algum lugar pela minha cor. Por sorte nunca quis participar do Ilê.

Acredito que tenha demorado muito, pois a prática deste bloco até então era discriminatória, pois o crime de preconceito e a segregação não podem ter cor, já que todos somos iguais perante a Lei.

Acredito que qualquer um, de qualquer etnia, deva ser respeitado sem que suas características físicas, idéias ou opções sejam motivo de segregação. Não importa se partindo do branco para o negro ou do negro para o branco.

Vocês concordam comigo?

Fonte: Uol Notícias

Anúncios

From → Sociedade

6 Comentários
  1. Olá Erick, te conheci no DiHitt e gostei muito do seu blog, pois revela que vc é uma pessoa antena com o que acontece.

    Quanto a noticia é um assunto polêmico, mas estou com vc, ninguém deve ser discriminado, não só por cor de pele, mas tmb por causa da religião, preferencia sexual e por ai vai…

    Até+

    • erickfigueiredo permalink

      Se não for polêmico, perde a graça…
      Gosto de escrever sobre aquilo que me desperta a atenção.
      Obrigado pelo elogio e comentário.
      Abraços

  2. Saudações!
    Amigo Erick,
    Meu amigo, eu não sei nem o que lhe dizer… Particularmente, penso sobre o tema o mesmo que você… Agora, quando tomamos conhecimento de um fato dessa magnitude até assusta.
    Meu amigo, quando leio algo sobre racismo eu me lembro do grande, Aurino Quirino Gonçalves, mais conhecido por Pinduca, um dos pais do Carimbo, ao que parece tem uma música dele que traz um trecho mais ou menos assim; “ O rico, o pobre tudo acaba no buraco ou é, o preto o branco tudo acabam no buraco”. Obs. Não tenho certeza.
    Parabéns pelo excelente post!
    Abraços fraternos,
    LISON.

    • erickfigueiredo permalink

      Muito obrigado pelo comentário…
      Você tem toda a razão. Não podemos admitir diferenciação entre nós deveríamos ser todos irmãos.
      Abraços

  3. Olá Erick.

    Uma bela notícia para se refletir.

    Conheço uma família que tinha a mania de perguntar a todo mundo se eles eram racistas, bastava que fossem contrariados, ou não atingissem seus objetivos.

    Todos se casaram com brancos, do tipo europeu, loiros, com exceção de um. Eu aguentei enquanto deu, até que um dia dei-lhe um sermão, que ela, provavelmente já se esqueceu, disse-lhe:
    “Negros que não são racistas são os americanos, onde você vê pessoas como Michael Jordan, Magic Jhonson, Bill Crosby, Edie Murphy, todos cheios de orgulho de serem negros, bem diferentes dos jogadores de futebol brasileiros, por exemplo. Aqui, no Brasil, só se tem orgulho de ser negro quando se pretende ser quotista em Universidades.

    No caso da Bahia, eu diria que é quase um ato de guerra. O racismo na Bahia existe, como os negros são maioria absoluta, quase não há brancos, fica ridículo. um erro não se justifica com outro, a última coisa que precisamos, no Brasil, é mulheres machistas e negros racistas, mas que há, há.

    ABS

    • erickfigueiredo permalink

      Normalmente aqui em São Paulo vemos o contrário. Mestiços quase brancos se dizendo descendentes de italianos, alemães e sei lá o que mais se referindo a negros em tom depreciativo. Isto é ruim. Mas o contrário também é racismo.
      Temos o direito de nos orgulhar de nossos antepassados mas sem segregar. Afinal de contas os brasileiros somos todos mestiços e discriminação não tem o menor cabimento.
      Obrigado pelo comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: