Skip to content

Hoje é dia de finados

11/02/2009

finados

Hoje é finados e esta data tem valor expressivo para mim. Não importa as razões que fazem deste dia, um dia especial para mim. Mas, hoje é dia de finados. Dia dos mortos. Dia dos que já se foram. Que se dê o nome que quiser. Mas, hoje é dia de finados. Um dia que deveria ser alegre. Mas, é triste. Triste para alguns. Para mim é só mais um dia em que consegui me manter vivo. Mais um dia vivido. Menos um dia na minha escala a caminho do fim. Não tenho pesares por mortes. Eles já cumpriram com suas missões. Duro é vivenciar o que nós vivenciamos no dia a dia com os que estão vivos e ainda não se deram conta do que é realmente a vida. De que aqui nós apenas somos passageiros. E que como passageiros, precisamos nos respeitar e sabermos conviver, no mínimo de forma pacífica. Não somos donos de nada. Tudo é ilusório, fictício. Somos eternos e nunca vamos estar totalmente separados, ou distantes um do outro. Pior será não sabermos nos relacionar e nos respeitar. Porque continuaremos a existir. Mesmo depois de se “morrer”. Quero sim, continuar a aprender. Continuar a estudar. Continuar a tentar pelo menos, praticar o perdão. Compreensão, amor, solidariedade, fraternidade, boa vontade para com tudo e com todos. Será que o entendimento dessas palavras é mesmo igual pra todos ? Não. Eu não acredito nisso. Eu aprendi a amar. E que amando, não é se submeter. Não é ser superior, nem inferior. Não é ficar burro como alguns dizem. Amar é saber aceitar o outro com calma, tentar compreende-lo, não querer modificá-lo. É saber que ele tem sua individualidade, e precisa ser respeitado nela. É aceitar no outro as suas diferenças. Quando não aceitamos essas diferenças, começam a ocorrer divergências. E quando ocorrem divergências, é porque acabou- se a forma de se comunicar. E começam os gritos. E quando começam os gritos, é porque nos distanciamos demais do outro. Então precisamos gritar. Porque já ficamos longe dele, e ele já não nos ouve com perfeição. E quando tudo isso acontece, é porque começou a haver desamor. Alguém ultrapassou a linha de limite entre o seu mundo, e o mundo do outro. E se você tentar mudar o mundo do outro, com certeza haverão cataclismos. Você não pode mexer no eixo do planeta do outro e só observar. Os fatos que se sucedem o afasta deste eixo, o afasta do outro e começam os cataclismos. E você será atingido pelos efeitos de todas as ocorrências. E quando o outro se for. Você pode mentir para mim mas, sentirá falta. Até das brigas. E se o outro morrer, você perderá a chance de nesta vida se desculpar pelo que o outro fez e você não soube aceitar ou perdoar. E aí vai se lembrar deste outro. Ainda que vez por outra, sua memória vai te trair e te fazer lembrar. E tomara que não seja no dia de finados. E por falar nisso, hoje é dia de finados.

Ervin Figueiredo

Anúncios

From → Sociedade

4 Comentários
  1. Lena permalink

    Olá,

    Gostei muito das reflexões, principalmente acerca da aceitação do outro com suas diferenças e da forma de amar.

    Mas o que mais marcou é o finalzinho do texto. Precisamos amar, entender, o máximo que pudermos, pois a vida passa rápido demais.

    Lena

  2. Erick,

    “Duro é vivenciar o que nós vivenciamos no dia a dia com os que estão vivos e ainda não se deram conta do que é realmente a vida.”

    É foda demais, Erick!! Demais!! Como vc disse, somos eternos e nunca estaremos sozinhos, Todos pensam q tudo q ganham será pra si e tudo q fazem somente les é q saberão. Ahhhhh se soubessem, q do outro lado da “porta” a coisa não é bem assim, que não há máscaras, não há como fugir das Leis!! E leis de fera!!

    Abçs!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: